28 de mar de 2012

Título original: Sing me to sleep
Editora: Pandorga
Autora: Angela Morrison
ISBN: 9788561784133
2011, 1ª edição, 353 páginas 

Tive oportunidade de ler este livro com o Book tour realizado pelo blog Up Sagas (antigo booksworld) em parceria com a Pandorga, editora que lançou o livro no Brasil.
É um livro intenso e parcialmente baseado em algo que aconteceu de verdade, deixando a história com ainda mais apelo emocional pro leitor. E o plot é basicamente este: menina que se acha muito feia, sofre bullying na escola por isso e só tem um amigo como refúgio. A única coisa que realmente a faz feliz é cantar, o que ela faz muito bem por sinal.
Cante para eu dormir revelará a dura realidade da vida, a energia firme da amizade e mostrará que o verdadeiro amor transcende tudo. O livro conta a história de Beth, uma garota que sofre bullying e passa toda sua infância sendo rejeitada por sua aparência. As únicas pessoas a aceitá-la são sua mãe e seu melhor amigo, Scott. Mas tudo isso fica para trás quando ela é convidada para ser a vocalista do coral da escola e recebe a transformação que lhe dará a oportunidade de conhecer um amor que vai além de tudo, até mesmo da própria vida. Derek é tão lindo, tão doce, tão fantástico que Beth acha que não merece, mas quer experimentar, mesmo estando á milhas de distância. Porém, existem segredos não revelados entre eles. A história reúne as mais profundas emoções humanas: decepções, tristezas, alegrias, amores e paixão, muita paixão, que ficará gravada em cada coração por muito tempo, mesmo depois do término da leitura. 
A Fera. É como Beth é chamada na escola. Ela nutriu tanto a não crença na própria beleza que não acredita em si mesma nem para se aproximar do nerd e amigo desde o jardim de infância Scott, por quem ela vem descobrindo alguns sentimentos diferentes.
Por uma situação do destino, a linda voz de Beth (que vivia escondida nas músicas em conjunto) tem a oportunidade de cantar um solo no coro do qual ela faz parte. E por causa dessa música as meninas vão participar de um concurso na Suíça. E antes dessa viagem, a mãe da menina que não conseguiu cantar o solo que agora é de Beth decide transformar o Patinho feio num lindo cisne. E na Suíça, Beth encontra Derek, um solista de um dos melhores coros que se apaixonou pela voz de Beth.
Não conseguimos não nos apegar aos personagens... Beth é forte, e sua cabeça dura não diminuía sua sensibilidade ao sofrimento; cada ataque a ela era sentido na gente enquanto as páginas são viradas sozinhas. Scott é AQUELE amigo que ama a gente pelo que a gente é, que não liga pro que os outros PENSAM que as coisas são e sabe como são de verdade; aquele que vai estar sempre lá quando se precisa. Já Derek é aquilo que a gente chamaria de ‘passageiro’ à primeira vista, cheio de mistérios e pistas incoerentes, e que no fim derruba a gente de uma maneira dolorosa com seu segredo.
O triângulo amoroso aqui não é do tipo que a gente vira ‘TEAM-FULANO’, por que no fim sofremos tanto junto a Beth que entendemos o porquê seria tão difícil escolher, tão difícil ser feliz apenas com um... Mas mesmo assim, Derek me encantou demais.
A escrita de Angela Morrison é, assim como em todo o livro tem música, lírica, poética, musical, tocante. Gostaria de poder tocar as pessoas do modo que ela fez em Cante para eu dormir. Não se enganem, é um livro triste.
O fim do livro me deixou com aquela ânsia de choro, aquele espírito de procurar justiça. Por que as coisas tem de acontecer assim, afinal? É como minha mãe diz: “a vida sabe o que faz e a gente não sabe o que diz”. Embora em vez de “a vida” ela diga que Deus sabe o que faz kkkk, abafa.
Ah, sim... Tem muita influência religiosa nesse livro, também. Nada que atrapalhe, não me incomodei mesmo. Gostei demais e indico :)

No jardim de infância eu queria ser veterinária, ter dez filhos, e uma centena de gatos. Depois fui para a primeira série e aprendi a escrever. Demorou algumas décadas, mas eu estou vivendo o meu sonho e amando. Eu acabei com um marido maravilhoso, quatro filhos incríveis, e um neto. Nenhum gato. Depois de uma dúzia de anos ao redor do mundo, estamos felizes vivendo na extremidade do deserto de Sonora em Mesa, Arizona.

2sleep